LIFITNG FACIAL

Se você estiver incomodado com sinais de envelhecimento em seu rosto, a cirurgia da face pode ser ideal para você. Tecnicamente conhecida como ritidoplastia, a cirurgia da face é um procedimento cirúrgico para melhorar sinais visíveis de envelhecimento no rosto e no pescoço tais como:

• Flacidez no terço médio da face,
• Vincos profundos abaixo das pálpebras inferiores,
• Vincos profundos ao longo do nariz que se estende ao canto da boca,
• Gordura que tenha baixado ou tenha sido deslocada,
• Perda de tônus muscular na face inferior, podendo causar papada,
• Pele frouxa e excesso de depósitos de gordura sob o queixo e a mandíbula.

Procedimentos de rejuvenescimento tipicamente executados juntamente com o lifting de face são o lifting de testa, para corrigir a flacidez ou testa franzida, e cirurgia de pálpebras, para rejuvenescer os olhos.

Sendo uma cirurgia reparadora, o facelift não muda sua aparência e não para o processo de envelhecimento.

Procedimento Cirúrgico


Etapa 1 – Anestesia

Medicamentos são administrados para seu conforto durante o procedimento cirúrgico. As opções incluem sedação intravenosa e anestesia geral. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.


Vários outros procedimentos podem melhorar, ainda mais, o resultado do facelift, incluindo:
• Implantes faciais,
• Aumento de tecido mole para remodelar a estrutura facial,
• Técnicas de peeling, dermoabrasão ou laser para melhorar a tonalidade e a textura da pele da face,
• Redução de rugas por preenchimento.


Etapa 2

Incisão Dependendo do grau de mudança que você quer, as suas opções de cirurgia de ritidoplastia incluem um lifting tradicional, lifting com incisão limitada ou Iifting de pescoço. Uma incisão de liftingtradicional, muitas vezes, começa no couro cabeludo na região temporal, continua em torno da orelha e termina na parte inferior do couro cabeludo. A gordura pode ser esculpida ou redistribuída na face, na papada e no pescoço. O tecido subjacente é reposicionado, comumente nas camadas mais profundas da face, e os músculos são elevados. Uma segunda incisão, abaixo do queixo, pode ser necessária para melhorar o aspecto de envelhecimento no pescoço. Suturas ou adesivos de pele são usados para fechar as incisões. Facelift tradicional Uma alternativa ao facelift tradicional utiliza incisões menores na região temporal, continuando em torno da orelha e, possivelmente, dentro das pálpebras inferiores ou sob o lábio superior. Papada, pele flácida no pescoço e acúmulo de gordura sob o queixo podem ser corrigidos com lifting de pescoço. A incisão de lifting de pescoço começa, muitas vezes, na frente do lóbulo da orelha, passando por trás da orelha, terminando na parte inferior do couro cabeludo. Passo 3 – Fechando as incisões Uma vez cicatrizada, as linhas de incisão do lifting ficam bem escondidas no couro cabeludo e nos contornos naturais do rosto e do ouvido. Passo 4 – Resultados Os resultados do facelift aparecem com a diminuição do inchaço e dos hematomas. O resultado final não só restaura a aparência, deixando-a mais jovem e descansada, mas, também, pode ajudar na recuperação da autoestima.


QUAL O CUSTO DA CIRURGIA?

Para muitos pacientes, o custo da cirurgia de LIFTING CRURAL e demais cirurgias eletivas é uma consideração.

Os honorários de um cirurgião podem variar com base em fatores como a experiência e o tipo de procedimento realizado.

Ao escolher um cirurgião plástico, lembre-se que a experiência do cirurgião e seu bom relacionamento com ele são tão importantes quanto os custos finais da cirurgia.

POSSIVEIS RISCOS DA CIRURGIA

• Cicatrizes desfavoráveis,

• Sangramento (hematoma),

• Acúmulo de líquido (seroma),

• Riscos anestésicos,

• Má cicatrização,

• Necrose da pele,

• Dormência ou demais alterações de sensibilidade da pele,

• Assimetria,

•Despigmentação da pele e/ou inchaço prolongado,

• Perda corrigível de cabelo no local das incisões,

• Necrose do tecido adiposo,

• Danos em estruturas mais profundas tais como nervos, vasos sanguíneos, músculos e pulmões,

• Dor, que pode perdurar,

• Trombose venosa profunda, complicações cardíacas e pulmonares,

• Fios de sutura podem espontaneamente emergir na pele, tornando-se visíveis ou causar irritação que exijam sua remoção,

• Possibilidade de novo procedimento cirúrgico.

RECUPERAÇÃO PÓS OPERATÓRIA

Quando o procedimento for finalizado, uma bandagem pode ser colocada delicadamente em torno de seu rosto para minimizar o inchaço e os hematomas. Um dreno pode ser temporariamente colocado sob a pele para drenar qualquer excesso de sangue e de fluido que possam acumular.

RESULTADOS

Pode levar, vários meses, para que o inchaço desapareça e, até seis meses, para que as linhas de incisão fiquem com aparência normal. Proteção solar permanente ajuda a manter a aparência rejuvenescida, minimizando o envelhecimento ou danos do sol. Além disso, um estilo de vida saudável também ajuda a prolongar os resultados obtidos com a cirurgia, dando-lhe aparência rejuvenescida e jovem.

ONDE SERÁ REALIZADA A CIRURGIA?

O procedimento deve ser realizado em local seguro e confortável para o médico e o paciente, em centro cirúrgico autorizado pela Vigilância Sanitária, com equipamentos e equipe treinada para qualquer intercorrência.